.

.
“A Maioria das pessoas preferiria morrer à pensar; de fato, muitas o fazem.”

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

Quem? Pra facilitar, me chame de ateu.






Por que? Porque sim.
Veio no nada, pelo nada, feito a partir do nada, com nada. Assim o nada, criou do nada tudo.


Ah, então tá.  Dizia um certo alguém. Nascida em São José do Rio Preto, ela que ironicamente não tinha sido batizada, nunca havia se perguntado sobre nada. Como uma religiosa por inércia, nunca tinha cogitado a possibilidade de que era totalmente ilógico nada, do nada criar tudo. Literalmente criar. Ler ficções. Amar fantasias, Harrys e Hermiones, histórias que te levam a outro plano, mas que quando fecha-se o livro, você volta. Volta pra o que é real, lógico, viável. Porém, o que fazer quando você simplesmente não volta? Fica envolto de metáforas que se misturam a conceitos e fatos. O que fazer quando a conotação simplesmente invade a parte denotativa da sua vida com a maior naturalidade?. Por que? Porque sim. Essa menina qualquer nunca havia se perguntado. Como uma cultura sem qualquer base sustentável de fatos concretos desenvolveu pilares tão fortes que se sustentam até hoje. Ela crescia e finalmente começava a deixar a inércia. Um corpo só desvia seu movimento quando uma força age sobre ele. Não sei bem que força foi essa. Talvez o amadurecimento, talvez a observação. Talvez a simples análise do mundo a sua volta. Talvez um livro. E que livro. E aí, da Vinci abriu brechas para que o esclarescimento entrasse. Brotasse como nada, como uma simples curiosidade conspiratória e como num abrir de olhos entrou a luz. se deu a 'luz'. Luz da racionalidade, luz da lógica, tudo parecia mais claro. A menina começou a pensar e daí não parou mais. pensar sobre números, sentidos. Pensar em porque alguém que criou tudo inclusive a lógica não deixava com que a usássemos na busca da nossa verdade. Essa menina passou a buscar a sua verdade. Questionamentos incessantes. Perguntas sem resposta. Contradições. Foi sumindo. Uma força veio para interromper a inércia de pensamento. E foi sumindo. Sumindo. ... ao poucos. Atrás de perguntas lá se foi a fé que um dia a menina achou que tinha. Se é que ela tinha. Você só concorda realmente com algo quando pensa sobre. Você só vive em paz quando a sua verdade é coerente com seus pensamentos. A aí, a palavra mais temida, sem motivo, pela maioria dos religiosos. Explodiu. Ateísmo.[ÓH]. A menina então, seguiu sua leitura, suas descobertas, a procura de algo que a satisfizesse. Ir contra a maioria da população não é tarefa fácil. Assumir um simples conceito como, " a menina ama matemática'', certamente causou dúvidas sobre a sua sanidade mental. Mas, a palavra ateu vem carregada de um significado. Assim como um balde de areia. Tal balde foi se enchendo de terra até ficar muito pesado. Pesado de carregar, pesado de lidar diante outras pessoas.Mas ir contra a maioria da população certamente é melhor do que ir contra a si mesmo. Quando você se engana, a único que pode desfazer o erro é você mesmo. Não é fácil.   Contrabalanceando, a piralha ganhou um balde super pesado para carregar, atolado de preconceitos, de predefinições. Por outro lado, ela tirou um fardo das costas. Uffa, não vai mais se preocupar por ser humana. Ela viverá a própria vida. Seus erros serão consquências diretas de suas ações, assim como os acertos. Sua moral, o certo e o errado, será determinada pelo simples e puro bom senso. Internamente, tudo são flores[lê-se tudo é matemática], mas o mundo continua lá fora. Você acaba descobrindo o caminho para a sua verdade, mas ele cruza outros caminhos. Ela:[ piralha, filha do demônio, vaca, prepotente, incoerente. Esnobe, metida a inteligente, se acha, vai precisar de deus, ele não vai te perdoar, ele vai te amar, ele\eles ainda te ama]. Todo um estrondo. Barulho. Anonimato. Uma simples opção. Um grande transtorno.Ela é nova, seria a revolta de idade, seria a confusão da idade, idade, idade. Ela indaga-se diversas vezes por onde anda a maturidade que todo mundo fala e preza? Ela é uma pessoa normal. Acreditar, não acreditar, acreditar mais ou menos. Todos esses esclarescimentos tem importância internamente, na formação da sua opinião e do seu ser. Por fim, não importa no que você acredita e sim como você age, assim ela concluiu. Crenças não são nada sem ações. E a moral é simples. Assim como na Bíblia, metáforas são interpretadas de formas diferentes afim de se satisfazer na constante busca por respostas. Brigas, guerras. Gosto é gosto . pensamento é pensamento.Porém o bom senso é comum. Pensar mais. Brigar menos. matar menos.aceitar mais.E a tal menina?  Ela continua assim, e provavelmente continuará por um bom tempo. Você, continuará assim, até que outra força haja pela seu novo ou atual estado de inércia.Quem é ela? ninguém.Pra facilitar?Me chame de ateu.


   [Hoje não é um bom dia para escrever, insisti, deu nisso. Sorry].

quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Sou foda porque uso drogas. É?



Drogas: qualquer substância ou psicotrópico que altere o comportamento do sistema nervoso. " Eu uso droga , logo sou foda''. Esta é uma moda que vem de gerações e gerações e nunca some. Beber? é bonito. Fumar? é legal. Maconha? É foda. muita gente acha que não ter o controle da sua própria cabeça\não enfrentar os seus problemas é legal. " Bebo para esquecer os problemas". Partilho do seguinte pensamento, você é responsável pelos seus atos e se a sua vida está uma " merda" e cheia de problemas, a culpa é sua. " Ó, a culpa é minha de tudo, vou me drogar, porque não aguento mais''. Erro 2. Além da sua vida estar uma merda por culpa sua, você ainda não faz o mínimo de esforço para melhorá-la e só o que faz é afundá-la mais. Usar qualquer tipo de drogas para fugir dos problemas é um ato de covardia mascarado, assim como o suicídio. É muito mais fácil se matar do que enfrentar os problemas da vida, que na maioria você mesmo criou. É muito mais fácil se matar aos poucos. É muito mais fácil sair da realidade para entrar num estado em que tudo é festa. Mas espera, um dia você volta. Sempre volta, e lá estão os seus problemas. Conclusão? Só piora. Está com problemas, não aguenta mais? Se sóbrio você está com dificuldades, adiar o problema vai adiantas alguma coisas? Não. Logo, pare de ser covarde e assuma o seus erros e resolva seus problemas sem " expulsar " a sua consciência com qualquer tipo de droga. " Minha vida é até que legal, mas eu não sou muito animado, vou beber pra ficar melhor": caro colega, se você precisa de alguma coisa pra te animar, saiba que não é você que está se animando, até porque você já expulsou a sua consciência a muito tempo. Você tem que se animar com as coisas que a vida lhe proporciona. Parar e ficar rindo de uma planta, porque você está totalmente desequilibrado. Depois que o efeito acaba, é engraçado ? Ou você volta aquela vida monótona de sempre? Você realmente anima a sua vida, ou acha que anima ? Isso é viver novamente numa ilusão, porém um dia você tem que voltar. A vida tem que ser feliz por si só,  felicidade e animação são pontos de vista, um estado de espírito, logo? para que seja real, você tem que fazer isso num plano real. Então, pare de achar que animação não depende de você e sim de um fator externo, porque sim, depende de você; " Não, mas eu bebo porque eu sou foda". Se você é assim, eu não sei porque eu dediquei um tópico a isso, porque é babaquice total. Se pra você ser foda é: fugir de problemas, fazer merdas que você nem vai se lembrar no outro dia, vomitar, ficar de ressaca, ser admirado por outra cambada de amigos " nada espertos". Parabéns, você é foda. Agora eu pergunto, em que isso acrescente na sua vida? Você bebe, fuma. é feliz, é " foda" para o público mais babaca que você que acha que admira esse tipo de atitude, maaas, sua vida passa, você não faz mais nada de útil, seus neurônios te dão adeus, você não constrói nada, não atrai pessoas decentes para perto. Acaba com um ciclo de amizades saudável. Nossa. como você é foda. Logo ? Por favor, dê valor nas coisas que realmente interessam e que vão contribuir para o seu futuro de alguma forma e REVEJA seu conceito de " foda". " Eu bebo porque as meninas acham legal". depende de que meninas você está falando. Acorda, meninas não acham isso legal. A maioria delas você ainda pode chamar de decente, acham uma idiotice. Você acha que é legal beijar alguém com bafo de cerveja ? Você acha que é legal você ter que " levar alguém pra casa de porre'' ? Você acha que é legal ouvir as besteiras que vocês falam quando estão assim? Não, não é legal. Desfaça-se dessa doce ilusão." Rebeca, eu bebo socialmente''. Você bebe socialmente pra que? Pra ficar mais " alegre'' ? releia mais pra cima. Pra esquecer os problemas as vezes? Novamente, releia. " Cala a boca, eu não vejo problema nenhum em beber" Ok, me responda, qual a sentido de beber? A bebida é tão comum como chupar uma bala, mas tudo que é normal e tradicional é certo e deve ser aceito? Não acho que seja assim, você tem que viver, saborear o que a vida tem para você. Como perceber detalhes quando não se enxerga nada? Deixar alguém que você ama se afastar pelo simples fato de que a maioria das vezes que bebe, você não sabe nem quem é? Depois de tudo isso, quem ainda achar que é legal ou que tem algum sentido beber, está além da minha compreensão de mundo[talvez eu seja devagar demais]. " Remédios não são drogas ",  releia a definição. " Eu já seu o que preciso e que remédio tomar, pra que ir ao médico" Ah você sabe? Provavelmente o que você não sabe é que diversas doenças tem sintomas parecidos e o que define é a experiência de um médico ou em exame, ou seja, você não sabe ao certo de nada. " Eu não tenho tempo de ir ao médico por qualquer besteira" Ok, trabalhe muito, não tenha tempo pra nada. Dinheiro só tem valor quando se tem um corpo pra usufruir dele. " Preciso de remédio, se não eu entro em depressão mas acaba e o médico não me dá, mas ele tem que ver que eu estou bem'' O que te faz pensar que não é igualmente ruim ter uma depressão e depender de enormes doses se remédio que nem sequer não indicados? Maquiar a depressão? óh, grande vantagem. Esconder não é curar. ~Cigarro. " Eu fumo porque....". Por que você fuma ? Bebida de deixa mais feliz. Motivo facilmente banalizado, mas pelo menos tem um motivo, agora, porque as pessoas fumam? Sempre fiz essa pergunta a fumantes. Recebi duas respostas distintas: " voce é criança?" e " desestressa". Se ser criança for manter o pulmão o mais saudável que o ambiente possa fazer ele ficar, eu sou um bebê. Se ser adulto é fazer coisas sem aparente sentido nenhum, eu sou um bebê. Desestressa. tá, correr também desestressa. " mas eu não tenho tempo". Jogar video game desestressa, " eu não tenho tempo", Roer unhas desestressa. " roer unhas, está maluca", ENFIM, se você não tem tempo, ache um tempo. eu prefiro um dinheiro a menos no fim do mês e pulmões limpos no fim da vida. Ache um tempo para a sua saúde, porque ela sempre é colocada em segundo plano ? Parem de se auto-fuzilar internamente. Isso não é legal, você acha que é legal. Ainda mais se você estiver bêbado, aí vai ser mais divertido ainda.Então, se alguém tiver mais alguma pergunta que não recaia nessas me faça. Tenho uma conclusão pessoal que as pessoas podem ou não compartilhar. Foda, é viver até os 100. Legal, é ver os bisnetos crescerem e ainda presenciar o nascimento de tataranetos. Divertido, e não precisar de nada pra se divertir e rir à toa por bobeira, e não porque você tem alguma coisa no seu sangue induzindo àquilo. Chato, são os problemas. Problemas. Problemas. Muito chatos, porém, o que seria da vida se não houvesse problemas? Onde estaria a satisfação pessoal? Chato? sim, problemas são irritantemente chatos e a maioria deles você quem causa, mas toda a ação tem uma consequência. Se você não gostou dessa consequência e não mudar suas ações... isso gera um ciclo vicioso de problemas. Agora me responda, se você foge dos problemas, e não muda suas ações, com suas vida melhora? Não melhora. Há dias insuportaveis.  Mas se não houvesse, como saberíamos como é ter um dia bom ? Como você sabe se uma água está fria quando você nunca sentiu uma quente? A vida é uma evolução, de pensamentos, de ações. Seu destino é você quem dita, a felicidade depende de como você interpreta os fatos a sua volta. Isso não era pra ser um texto de auto ajuda, porque a maioria deles só fala fala, e nem o autor faz o que ele diz. Olá, meu nome é Rebeca. Nunca fumei nada. Bebo uma vez pensando que era suco de morango, o pior gosto que eu já senti. Ainda se fosse bom, mas o negócio é ruim e ainda faz mal. Quão estranhos sãos os seres humanos. Tenho dias em que quero morrer. Tudo me irrita, tenho uma tpm fortíssima, mas tenho certeza que alterar o meu metabolismo não ajudaria em nada. Os resultados que duram aparecem a longo prazo, se você vive de imediatismo...não conte com o seu futuro. Talvez você sequer o tenha.
São 2:15 da manhã. Gabriel Palmés, meu amor. A culpa desse texto é toda sua (:



Gente, eu não sou drogado, nunca usei drogas e nem nada, a Rebeca só fez esse post porque eu bebi um pouquinho no David Guetta a Rebeca iniciou com esse assunto e depois deu continuidadeao assunto e deu no que deu, mas eu NÃO SOU DROGADO hahaha (Rebeca meu amoooooor muito bonito o que fez né huuuun, KKKK lindaaaa te AMOOOOO) (Gabriel Palmés aqui)
 

Para facilitar, me chame de ateu. Copyright © 2010 Flower Garden is Designed by José Felipe for Tadpole's Notez Flower Image by Rebeca chuffi.